Presidente Nelson termina digressão mundial no Havai

O devocional foi realizado na Universidade Brigham Young - Havai

Notícia

“A nossa mensagem para vocês esta noite é a mesma que transmitimos aos outros, que Deus vive, que Jesus é o Cristo, que esta é a Sua Igreja restaurada em sua plenitude”, disse o Presidente Russell M. Nelson, de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, ao terminar sua digressão mundial no domingo, 22 de abril de 2018, no campus da Universidade Brigham Young no Havai.

 

A esposa do Presidente Nelson, Wendy, e o Élder Jeffrey R. Holland, do Quórum dos Doze Apóstolos, e sua esposa, Patrícia, reuniram-se com os santos dos últimos dias em oito cidades em 11 dias nos continentes da Europa, África e Ásia.

"Não permitimos o jet lag", disse o presidente Nelson. Na verdade, sua esposa, Wendy, disse que a digressão deu mais energia ao profeta. “Ele está a fazer o que foi preordenado fazer. …. Eu vi essa mudança no púlpito. Eu ouvi-o tornar-se [mais claro] em professar determinadas doutrinas, usar frases que eu nunca o ouvi usar em 12 anos. Eu o vi parecer ainda mais jovem.

Esta é a primeira viagem internacional do Presidente Nelson desde que foi nomeado o 17º profeta da Igreja em janeiro deste ano.

A irmã Nelson contou aos presentes sobre uma experiência recente, confirmando o chamado profético do seu marido. “Por causa dessa experiência sagrada, sou uma testemunha em qualquer nação da Terra e testificar que sei que o Presidente Russell Marion Nelson foi chamado por Deus para ser o profeta vivo do Senhor hoje.”

"Realmente tudo o que fizemos nestes últimos dias juntos ao redor do globo, pode ser resumido em duas palavras - o templo", disse o Presidente Nelson, falando num devocional com membros da Igreja na Universidade Brigham Young - Havai.

“Em Jerusalém, falámos sobre o templo que Jesus amava. E em várias cidades, conversámos sobre o templo que vai ser construído nesses locais, e aqui, nas sombras do templo do Havai, conversamos sobre os templos novamente”, disse ele.

A irmã Nelson ficou impressionada com os sacrifícios feitos pelos santos dos últimos dias em todo o mundo. “Fiquei chocada ao ouvir e sentir os sacrifícios que os nossos santos fizeram para encontrar o evangelho, para viver o evangelho e isso lhes dá essa fé fundamental”.

O Presidente Nelson continuou: “Sentimos muito pelas nações que não conseguimos visitar, e de certa maneira isso foi simbólico. Este é um ministério global e uma mensagem global - fé no Senhor Jesus Cristo [e] fortalecimento das famílias ao se qualificarem para a vida eterna na presença da deidade”.

“Sentimos ternura quando chegamos ao fim de algo que nunca mais voltará”, disse o Élder Holland. “Nós encontrámos multidões; nós conhecemos tantas pessoas, tantas quantas podiam assistir às reuniões. …. Tivemos os maiores locais possíveis nessas cidades e os enchemos, e mesmo assim ainda havia pessoas que não tiveram a oportunidade de participar.”
“O Presidente Nelson sempre estará falando para uma multidão para o resto de sua vida. Mas a salvação virá um por um,” explicou o Élder Holland.

“Ganhei um grande testemunho do meu Salvador por causa das coisas que testemunhei nas últimas duas semanas”, disse a irmã Holland. "Eu acho que é realmente apropriado terminarmos esta jornada em Laie (Havai). Eu sempre sinto o Espírito do Senhor aqui”.

Digressão Global 

Os principais líderes mórmons, que são testemunhas do Salvador, saíram de Salt Lake City a 10 de abril para reunir-se com membros de todo o mundo. A sua digressão incluiu Londres, Inglaterra; Jerusalém, Israel; Nairobi, Quénia; Harare, Zimbábue; Bengaluru, Índia; Banguecoque, Tailândia; e Hong Kong, China.

Igreja Global

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, sediada em Salt Lake City, Utah, tem mais de 16 milhões de membros em todo o mundo.

O Havaí é o lar de mais de 74.000 mórmons, que fazem parte de 141 congregações. Os primeiros convertidos foram batizados no Havaí em 1851.

A Igreja tem 159 templos em todo o mundo, com 30 outros anunciados ou em construção, incluindo dois templos no Havaí. O Templo de Laie Havaí foi dedicado pelo Presidente Heber J. Grant em 1919. O Templo de Kona Havaí foi dedicado em janeiro de 2000 pelo Presidente Gordon B. Hinckley.

Assista à reportagem da visita (em inglês):


 

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.