Comunicados de Imprensa

Mais opções para os missionários comunicarem com as suas famílias 

As diretrizes da Primeira Presidência buscam um maior envolvimento da família na experiência missionária.

A Primeira Presidência de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias anunciou uma atualização das diretrizes relativas à comunicação entre os missionários de tempo integral e as suas famílias.

 

Com efeito imediato, os missionários podem agora comunicar com as suas famílias, no seu dia de preparação semanal, por meio de mensagens de texto, mensagens online, telefonemas e chat por vídeo, além de cartas e emails. Anteriormente, os missionários contavam principalmente com emails e cartas para se comunicarem. 

“A comunicação regular com as suas famílias é uma parte importante do serviço missionário”, disse a Primeira Presidência no comunicado. “Um dos principais propósitos deste ajuste é encorajar as famílias a envolver-se mais nos esforços e experiências dos seus missionários.”

Com estas novas diretrizes, os missionários são encorajados a usar de bom senso para determinar a duração das chamadas telefônicas e chats de vídeo e terem compreensão com os seus colegas.

Para além disso, para evitar interrupções nos horários dos missionários, é solicitado aos familiares que não iniciem as chamadas ou videochamadas, mas que, pelo contrário, aguardem que o missionário os contate no seu dia de preparação semanal. Se os pais de um missionário ou missionária morarem em locais diferentes, ele ou ela poderá entrar em contato com cada um deles separadamente.

Com tantos avanços tecnológicos, este tipo de comunicação deve ocorrer com pouco ou nenhum custo. Nos locais onde as famílias ou missionários não tenham acesso a computadores ou a  telefones, os missionários são incentivados a continuar a usar os seus meios de comunicação atuais.

“Encorajamos os missionários a comunicarem com as suas famílias todas as semanas, usando qualquer método aprovado e escolhido pelos missionários”, disse o Élder Dieter F. Uchtdorf, membro do Quórum dos Doze Apóstolos e presidente do Conselho Executivo Missionário. “Isso pode variar de acordo com as circunstâncias, locais e horários da semana. Não é esperado que todos os missionários liguem ou conversem por vídeo com os seus pais todas as semanas. A maneira exata de comunicar é deixada ao critério do missionário quando ele ou ela decide o que melhor atende às suas necessidades. ”

Além da comunicação semanal, os missionários também são incentivados a contatar a família noutras ocasiões especiais, como Natal, Dia da Mãe, Dia do Pai, aniversários dos pais e outros feriados, culturalmente significativos.

O Élder Uchtdorf disse que as novas diretrizes oferecem vários benefícios adicionais, incluindo a adaptação às diversas circunstâncias familiares, além de apoiar melhor os missionários que assim beneficiam de uma maior comunicação pessoal com a sua família.

Atualmente, mais de 65.000 missionários servem em todo o mundo em diversos países e culturas como representantes de Jesus Cristo. Servindo por tempo integral, eles estudam o evangelho e ensinam os princípios que mudam a vida de todos os interessados. Os rapazes servem por 24 meses a partir dos 18 anos e as moças podem servir por 18 meses a partir dos 19 anos. Eles e elas ganham experiências valiosas capazes de mudar as suas vidas, dando de si mesmos e servindo aos outros.

“Nós amamos os missionários e sabemos que o Senhor valoriza o seu serviço abnegado”, disse o Élder Uchtdorf. "Continuamos a tentar encontrar as melhores maneiras de os apoiar e ajudar, tanto a estes como às suas famílias, enquanto servem."
 

Recursos Adicionais

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.