Comunicados de Imprensa

O Livro de Mórmon - mais de 150 milhões de exemplares

À medida que A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias cresce, assim também aumenta o número de publicações de O Livro de Mórmon – Um Outro Testamento de Jesus Cristo. O exemplar 150 milhões do Livro de Mórmon foi impresso recentemente, atingindo assim mais um marco histórico nos seus 181 anos de existência. “O Senhor trouxe à luz o Livro de Mórmon numa época onde os métodos de impressão permitiriam a sua ampla distribuição geográfica,” afirmou o Presidente Thomas S. Monson no vídeo Testemunhas Especiais de Cristo (2000). “As modernas impressoras dos tempos actuais possibilitam à Igreja imprimir e distribuir milhões de cópias do Livro de Mórmon todos os anos.” Até à data, o Livro de Mórmon já foi traduzido em 82 idiomas e parcialmente traduzido noutros 25. Um “exército” de 52 mil missionários de tempo integral distribui diariamente cópias gratuitas do Livro de Mórmon pelo mundo inteiro, sendo que estas também podem ser obtidas a custo zero através do site Mormon.org. O Livro de Mórmon foi primeiramente publicado em Inglês, em 1830, em Palmyra, New York. É descrito como a “pedra angular” da Igreja e, desde o início, que os membros da Igreja o aceitam como um livro sagrado, tal como o livro de Doutrina e Convénios, A Pérola de Grande Valor e a Bíblia.


A gráfica Grandin Press, onde foram impressos os primeiros exemplares

Para os membros da Igreja, o Livro de Mórmon não substitui as escrituras que se encontram na Bíblia, uma vez que ambos são usados nos seus ensinamentos e estudo pessoal. Na realidade, um estudo recente revelou que os membros da Igreja (conhecidos como Santos dos Últimos Dias) estão bem classificados entre os grupos religiosos no que diz respeito ao seu nível de conhecimento da Bíblia. Em 2003, a revista Book (“Livro”) classificou o Livro de Mórmon como um dos20 Livros Que Mudaram a América.” Em Outubro de 2007, o falecido Presidente da Igreja, Gordon B. Hinckley, descreveu a sua influência moderna: “Ao longo de todos estes anos, os críticos tentarem explicar o que o livro é.Falaram contra ele. Ridicularizaram-no. Mas o livro  sobrepujou tudo isto e a sua influência é maior hoje do que em qualquer outra época da sua existência.” (Leia acerca do que os membros da Igreja dizem acerca do Livro de Mórmon, em inglês.) Para além das 150 milhões de cópias do Livro de Mórmon impressas, a Igreja também disponibiliza esta obra no seu website oficial num formato que facilita o seu estudo e em aplicações para dispositivos portáteis.

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.