Comunicados de Imprensa

Mórmons Mãos que Ajudam no Mundial do Brasil 2014 

Mais de mil membros da Igreja trabalham como voluntários no apoio à organização do torneio

A pedido do Ministério do Desporto do Brasil, cerca de 1.000 membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias do Brasil inscreveram-se como voluntários para ajudar o Brasil a sediar o Campeonato do Mundo FIFA 2014.

Os mórmons e os seus amigos - com mais de 18 anos - integram o programa Brasil Voluntário, a força de voluntários por detrás do Mundial deste ano e de outros eventos, tais como os Jogos Olímpicos de 2016, que serão realizados no Rio de Janeiro. São treinados para receber os visitantes nos aeroportos e trabalham em pontos turísticos e outros locais de interesse durante a competição, que decorre de 12 de junho a 13 de julho.

Há quase duas décadas que a Igreja tem vindo a ser conhecida em todo o mundo pelos seus muitos projetos no âmbito do Programa Mórmons Mãos que Ajudam -- projetos de serviço comunitário que geralmente envolvem centenas e até mesmo milhares de voluntários Santos dos Últimos Dias

Em Portugal, esta iniciativa já leva mais de 11 anos, com intervenções no espaço público, limpeza de jardins e de matas, reflorestação de áreas ardidas, apoio a idosos, criação de kits para jovens mães, alindamento e reparação de equipamentos em escolas e estabelecimentos de ensino, construção de acessos para pessoas portadoras de deficiências, doações nacionais de sangue, entre muitas outros projetos de serviço.

Uma outra faceta do programa tem a ver com o apoio e resgate de populações e comunidades que sofreram calamidades ou catástrofes naturais ou provocadas pela ação humana. Um dos exemplos desta vertente foi visível após as inundações e derrocadas causadas na ilha da Madeira, em Fevereiro de 2010. Membros e missionários da Igreja, junto com as populações estiveram ativamente envolvidos nas tarefas de limpeza e remoção de destroços.

Resumo cronológico de algumas iniciativas “Mórmons – Mãos que Ajudam” em Portugal

Maio de 2004 – Reflorestação de zona de mata, ao lado do Cabeço de Montachique, em Loures, com o apoio da CM de Loures

Outubro de 2004 – Participação em atividades de limpeza de jardins, equipamentos sociais, bairros degradados, escolas, reflorestamento, por todo o país, por todo o país. Contabilizados mais de mil voluntários

Abril 2005 – Limpeza de resíduos e detritos, reparação de espaços públicos na cidade de Beja, no Alentejo

Fevereiro de 2006 – Recuperação e limpeza de espaços públicos, desobstrução de linhas de água em terrenos próximos de bairro social. Participação de 150 voluntários da zona de Lisboa, colaboração da CM de Vila Franca de Xira

Março de 2006 – Apoio a sem-abrigo e indigentes na cidade de Ponta Delgada, em São Miguel, Açores. Distribuição de alimentos e kits de saúde e higiene durante várias semanas.

Junho de 2006 - Ações de limpeza, reparações e pinturas na Escola da Ribeira Grande, em São Miguel, nos Açores.

Junho de 2006 – Limpeza e recolha de lixo no Parque Florestal do Monsanto (zona da Cruz das Oliveiras), em Lisboa, como o apoio da CM de Lisboa.

Agosto de 2006 – Recuperação de interiores do centro educativo Padre António Vieira, no concelho de Oeiras, na sequência de intervenção no recinto exterior, realizada no ano anterior. Colaboração da autarquia

Outubro de 2006 – Grupo de jovens voluntários colabora no combate a incêndios no distrito do Porto, em colaboração com as autarquias e os corpos de bombeiros das áreas afectadas

Junho de 2007 – Preparação kits de alimentos, higiene e saúde para crianças doentes, na área metropolitana do Porto, em colaboração com a Liga Portuguesa Contra o Cancro

Junho de 2007 – Arranjo de espaços públicos e jardins, reparação de equipamentos em bairros sociais na cidade de Aveiro, durante dois dias

Junho de 2007 – Limpeza da Serra da Arrábida, removendo lixo, detritos e reparando equipamentos de fruição pública. Participação de 600 voluntários

Novembro de 2007 - Reparação de um edifício e respectiva propriedade no distrito de Viseu, usado como lar para idosos e como centro de distribuição de refeições para crianças carenciadas

Novembro de 2007 – Reparação e alindamento do estabelecimento de ensino EB2,3 – Dr. Alberto Iria, em Olhão. Colaboração da CM de Olhão e do pessoal docente e auxiliar da escola

Agosto de 2008 – Limpeza de espaços públicos, escolas e creches, em todo o país, em coordenação com ONGs e autarquias

Novembro 2009 – Colaboração com o Banco Alimentar contra a Fome, em todo o país, na recolha de alimentos juntos dos supermercados

Dezembro de 2009 – Jantar de Natal oferecido a 150 pessoas carenciadas, em Coimbra, com o apoio da CM de Coimbra.

Março 2010 – Participação na iniciativa “Limpar Portugal”, em todo o país, limpando espaço verdes e carenciados.

Dezembro de 2010 – Preparação de kits para recém-nascidos e bebés carenciados, em Lisboa. Em colaboração com os CTT – Correios de Portugal.

Maio de 2011 – Limpeza e recolha de lixo, na mata de Marrazes, em Leiria, com o apoio da junta de freguesia local

Dezembro de 2011 – Recolha nacional de sangue, em todo o país, com o apoio do Instituto Português do Sangue. 357 unidades de sangue recolhidas, 548 voluntários envolvidos

Maio de 2011 – Limpeza de zonas públicas degradadas na cidade de Setúbal, com a colaboração da Câmara Municipal de Setúbal

Dezembro de 2011 – Recolha de sangue, a nível nacional, com a colaboração do Instituto Português do Sangue e de alguns hospitais distritais. Foram recolhidas 357 unidades de sangue

Março de 2012 – Limpeza e remoção de detritos e lixo em zona balnear e mata na zona da Serra da Arrábida, em Setúbal, por voluntários mórmons do programa Mãos Que Ajudam. Iniciativa enquadrada no World Cleanup Day, realizada em mais de 100 países do mundo

Outubro de 2012 - Voluntários mórmons de duas congregações da estaca (equivalente a diocese) de Coimbra constroem uma rampa de acesso ao Centro de Deficientes de Santo Estêvão, em Viseu e alindam o jardim circundante

Dezembro de 2012 – Recolha de sangue, a nível nacional, durante todo o mês e em vários locais, sempre com a colaboração do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) e de alguns hospitais distritais e centros de saúde em Portugal

Março, Agosto, Dezembro de 2013 – Doações e recolhas de sangue em diversas zonas do país, em colaboração com o IPST e diversos hospitais nas zonas onde existem congregações da Igreja.

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.