Informações sobre o País

Arménia

O evangelho foi pregado junto dos arménios que viviam fora da sua pátria natal desde os anos 1880. Na Turquia, um homem chamado Vartooguian é baptizado, junto com três membros da sua família, em Janeiro de 1885, os primeiros arménios a filiarem-se à Igreja.

O aumento da violência e perseguição fez com muitos Santos dos Últimos Dias arménios fossem expulsos de suas casas e espalhados pelo Médio Oriente. Em 1921, a Igreja realizou um jejum especial para benefício dos membros com necessidades. Uma parte das ofertas de jejum (dinheiro doado pelos membros equivalente ao que gastariam na comida que teriam ingerido) foi entregue aos membros arménios.

Um pequeno ramo (congregação) de 59 membros arménios estava em funcionamento em Aleppo, na Síria em 1946, mas entre 1947 e 1950 esses membros foram forçados a sair da Síria. Em Dezembro de 1950, a Missão do Médio Oriente foi encerrada.

A 7 de Dezembro de 1988, grande parte da Arménia foi devastada por um tremor de terra. Morreram cerca de 50 mil pessoas e mais de meio milhão ficou sem casa. Uma semana mais tarde, o Elder Russell M. Nelson do Quórum dos Doze Apóstolos (um dos mais altos órgãos de governo da Igreja) encontrou-se com o embaixador soviético Yuri Dubinin e sua mulher, Liana, em Washington DC, para expressar condolências e entregar um cheque com ajuda humanitária

Em resposta ao tremor de terra, um empresário industrial de Utah e líder da Igreja, Jon M Huntsman, trabalhando em conjunto com o filantropo americano Armand Hammer, construiu uma cimenteira em Yerevan, no final de 1991. Produzia secções pré-fabricadas de cimento que podiam ser usadas para construir casas e edifícios de apartamentos. A fábrica começou a funcionar com casais missionários humanitários membros da Igreja, os quais tinham conhecimentos em engenharia sísmica e em produção industrial.

Este esforço humanitário foi dirigido por David M. Horne, que chefiou a fábrica e esteve também envolvido na gestão das entregas dos alimentos e auxílio humanitário. À luz destes esforços a Igreja foi legalizada na Arménia em Dezembro de 1995.
Mikhail Oskar Belousaov  foi baptizado em Março de 1992, o primeiro homem a filiar-se à Igreja na Arménia.  O ramo de Yerevan foi organizado em Janeiro de 1994.

O Livro de Mórmon foi traduzido em 1937 em arménio ocidental, que é a língua falada pelos arménios que vivem fora da Arménia. Em Março de 1991 foi publicada a tradução do Livro de Mórmon em arménio oriental. Em 2003, o número de membros era de 1537.

Contacto para Jornalistas

George Mak
Wan Chai,
Hong Kong
Telefone:  + 852 2910 2941
 

 

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.