Comunicados de Imprensa

A Igreja responde a surtos de cólera em Papua-Nova Guiné e Haiti

Em Papua Nova-Guiné, os líderes locais da Igreja comunicaram a morte de 75 membros da Igreja. O número total de mortos não foi ainda determinado, mas de acordo com alguns relatórios pode rondar as centenas. “Expressamos o nosso profundo amor e preocupação por todos os que foram afectados por esta epidemia”, disse o Elder Brent H. Nielson da Presidência da Área do Pacífico. “Oferecemos as nossas sinceras condolências a todos os que perderam familiares ou amigos.” A Igreja enviou 25 toneladas de artigos alimentares de emergência e suplementos médicos para a região. A primeira remessa de alimentos da Igreja em Port Moresby chegou a Daru a 24 de Novembro e continha oito toneladas de arroz, quatro toneladas de peixe, quatro toneladas de farinha, mil embalagens de sabão anti-bacteriano e quatro toneladas de óleo culinário. O Centro Humanitário da Igreja, em Salt Lake City, enviou também 2500 garrafas de água com sistema de filtração para Port Moresby. As garrafas serão utilizadas para tornar potável a água extraída de rios e poços. A cólera é transmitida, principalmente, por meio do consumo de água contaminada. A Igreja e os seus membros estão a colaborar com a AusAID, os Médicos Sem Fronteiras , a Organização Mundial da Saúde e outros grupos nos cuidados prestados aos doentes, bem como na divulgação entre as comunidades dos modos de prevenção da doença. “A população local foi muito prestável, transportando os doentes até nós nas suas canoas,” disse o Dr. Anthony Mahler, um médico voluntário Australiano, que integra a equipa de resgate. “Nas nossas primeiras 24 horas na vila de Sogere, tratámos mais de 200 casos de cólera, dos quais 30 eram bastante graves.” Um surto severo de cólera continua a ceifar vidas no Haiti, onde, segundo o Ministério da Saúde, já morreram mais de 2000 pessoas e cerca de 45000 foram hospitalizadas desde o início da epidemia. A Igreja está a preparar um carregamento adicional de tendas, unidades de filtração de água de grandes dimensões, sais de hidratação e artigos de higiene para dar resposta a esta crise, para além de todos os carregamentos anteriormente enviados para a região.

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.