As comunidades religiosas ajudarão a moldar o futuro da Europa, disse o Líder Mórmon numa reunião da Comissão Europeia  

As comunidades religiosas ajudarão a moldar o futuro da Europa, disse o Líder Mórmon numa reunião da Comissão Europeia  

O Elder De Feo incentivou à promoção de futuras políticas europeias “virtuosas, amáveis, louváveis e de boa fama”

Notícias em Destaque

As comunidades religiosas e as igrejas terão uma influência profunda na estruturação do futuro da Europa, disse o Elder Massimo De Feo de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias na Reunião de Alto Nível com Líderes Religiosos. O evento, realizado terça-feira dia 7 de novembro de 2017, teve como anfitrião Frans Timmermans, o Primeiro Vice-Presidente da Comissão Europeia. Ele esteve acompanhado por Mairead McGuinness, Primeira Vice-Presidente do Parlamento Europeu. Os dez líderes religiosos e os representantes oficiais da União Europeia reuniram-se na sede da Comissão Europeia em Bruxelas para discutir “O Futuro da Europa: Uma União Eficaz e Baseada em Valores”.

 

“Muito para além das paredes de uma Igreja, as pessoas e as organizações religiosas constroem hospitais e escolas, gerem instituições de caridade e abrigos, têm negócios e grupos de reflexão, dão formação em grupos de jovens e em programas de alfabetização, espalham ajuda humanitária pelo mundo inteiro e ajudam os desempregados a encontrar emprego,” disse o Elder De Feo que serve como Setenta Autoridade Geral.

No seu discurso, o Elder De Feo debateu acerca de como definir valores comuns em sociedades divididas, a contribuição dos líderes religiosos nos debates dos valores europeus e a necessidade de desenvolver um maior sentido de comunidade a nível europeu. Salientou o importante papel que a juventude desempenha. Sem ela, acrescentou ele, não existe futuro para a Europa. Ele mencionou que as novas gerações precisam de encontrar os valores morais e religiosos que estão a perder-se, entre eles o papel fundamental da família tradicional. Citando a 12ª e a 13ª Regras de Fé, o Elder De Feo incentivou à promoção de futuras políticas europeias “virtuosas, amáveis, louváveis e de boa fama” e enfatizou a importância da participação ativa dos cidadãos no processo democrático.

“Acreditamos que os cidadãos respeitadores da lei que estão sinceramente interessados em promover o bem comum podem ser agentes de mudança e de desenvolvimento positivos”, declarou. “A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias está pronta e considera seu o dever, em conjunto com outras religiões, grupos ou comunidades, de beneficiar e abençoar a vida de todos os filhos de Deus”.

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias tem uma presença ativa na Europa há mais de 170 anos e atualmente possui mais de meio milhão de membros, em milhares de congregações, por todo o continente.

Mais informação sobre a conferência:

Video da conferência de imprensa pode ser visto aqui.
 

Vídeo com a declaração de Mairead McGuinness, Primeira Vice-Presidente do Parlamento Europeu pode ser visto aqui.  

Observação de Guia de Estilo: Em notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, pedimos que use o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome, aceda ao Guia de Estilo.